13/04/09

sim!! é verdade!!

Porque me têm perguntado que história é essa e se é verdade... sim!!! é verdade!!!!



"Não! A sério que eu não procuro encrenca! Elas é que vêm ter comigo!!


Conheço-o há anos, ontem tive o prazer (?) de conhecer a mais recente namorada. Lindissima é um facto! Elegante! Fora isso, é uma daquelas pessoas incapazes de um sorriso, eu desconfio que se enganaram na prótese dentária, colocaram-lhe dentes azuis e ela tem vergonha de mostrar. Simpática! (?????) Está bem, já me tinham dito, mas gosto de ser eu a tirar conclusões. Possuidora de uma modéstia invejavel, tanto que, a certa altura da conversa, referiu “eu exijo que todos os alunos me tratem por doutora!”. Acho muito bem, até porque tenho a certeza que provém de uma distinta família de apelido Dr. e, sendo assim, ele consta do seu BI desde o tempo em que o espermatozoide do progenitor, ainda andava à procura do caminho.


Após ter elogiado a minha “pobreza” em relação ao cavalo de 4 rodas em que circulo, fez um apreciável reparo à minha falta de gosto no que concerne ao azul escolhido na decoração da casa.


Na sequência dos elogios referiu o bairro sem nível, a TV em vez de um grande plasma como o seu, o computador cujo teclado branco não combina com o monitor preto, o que aliás, eu concordo plenamente e estou certa, que é por isso que acabo sempre a escrever estas tretas. Entretanto, considerou-me simpática, embora desprovida de sexualismo (eu acho que ela queria dizer sensualismo, mas deve ter-se esquecido de estudar essa parte do dicionário).


Finalmente, sentámo-nos todos à mesa e fiquei a saber que com o meu faqueiro, a distinta senhora, usaria “outro tipo de toalha, mais clássica, está a ver?!”. Estou!! Até estou a ver para além da toalha!!


Valeu-me ter sido elucidada que, afinal os bifes com cogumelos que eu confeccionei se chamam “viande au champignon” (tive que encher a boca para balbuciar aquilo correctamente) e que ela prefere pratos mais exóticos e menos vulgares.


A propósito de exóticos e invulgares, lembrei-me logo que sei fazer um acepipe. “Raspei-me” para a cozinha, “saquei” da lata de comida das gatas para dentro de uma travessa, salpiquei com uma bebida de não sei o quê de zimbro que estava no armário, mais uns salpicos de picante daquele tipo fogo, uns raminhos de salsa e uns pickles e surgi vitoriosa na sala: “Este tem de provar! Estou certa que vai gostar. Costumam servi-lo nos jantares da família real inglesa. Foi uma amiga cuja mãe é lá cozinheira que me ensinou!”


Et voilá! Fez sucesso! A senhora adorou e eu fiquei a acreditar que comida de gato é muito mais apropriado que os meros bifes com cogumelos, para servir a pessoas ilustres!"


(3 de Junho 2007)
porque a minha paciência é grande mas tem limite



45 comentários:

Sandra disse...

lololol é que realmente existe cada ave rara para "alegrar" os nossos dias :P

Ana disse...

Hehehehe lembro-me de ler esse post e acredita que há uns bons meses atrás me voltei a lembrar dele quando me apeteceu fazer o mesmo:-)

Paulo disse...

E eu fiquei sem namorada quando ela descobriu!
Vais obrigar-me a agradecer-te?
looooooool

Inês Brito disse...

Eu tinha-lhe era dado com o teclado branco nas trombas, a ver se alguma coisa mudava de cor... Já tens uma óptima história para a posteridade :P

Bj,
(i)

apleman disse...

Ahahahah...

Mais uma vez digo inacreditavel...

És terrivel...

Kiss

António Sabão disse...

Espectacular! Nada de risinhos que isto é coisa séria! :(

Beijo grande amiga Escarlate! :)

Afrodite disse...

Ahhhhahhhahhh ÉS GRANDE, e tenho dito!

O Guardião disse...

Por vezes o castigo assenta-lhes bem!...
Cumps

Teté disse...

Ah, ah, ah! Bem feito!!! :D

Nunca me teria lembrado de uma dessas, que a minha paciência é limitada mesmo e entretanto já estaria a espumar pela boca! Enfim, e comida de gato não faz mal a ninguém, a não ser ao orgulho, quando se descobre a partida... :)))

Beijocas!

Olhos Dourados disse...

A sério?
LOL, estiveste mesmo bem!

francis disse...

ahahahahahahahahahahahahahahahahah
comigo ela não tinha sequer sentado a peida à mesa.
mal educada porra.

Carla disse...

Mais um caso em que a beleza não é tudo... E a beleza interior onde está?? Ela tinha mesmo a mania da superioridade (coitada). Bem não sei se tinha tanta paciência para aguentar essas críticas destrutivas todas...Mas respondeste realmente bem :) é assim mesmo loooll

AnaT disse...

Grande Mulher (tu claro...)! :o)

Pedro Barata disse...

Ehehehehe Tu és a pior!!! Sem dúvida alguma ;)
Beijinhos

Miriamdomar disse...

LOL:))))
O que se faz pelos amigos!
Essa SrªDrª ,punha a Paula Bobone num hospício!
O prato real, foi o ideal para ela!
Mesmo sem paciência ,tiveste imaginação e sentido de humor q.b.
ehehheh:)))

Cão(somente) disse...

Li, agoniado mas com toda a atenção e se aquela parte da comida de gato é realmente verdade, eu dou-te já 20 pontos, porque não posso dar mais eheheh (como naquele concurso da RTP aqui há um par de anos).
Beijinho.

Kruzes Kanhoto disse...

Porra! E o chato sou eu?!

cassamia disse...

isso tudo no dia do meu aniversário???
bolas... as coisas que acontecem nesse dia tão importante pó mundo ahahahaha

calamity jane disse...

Simplesmente LINDO!!!

calamity jane disse...

(e conseguiste não desatar a rir na cara dela?)

Vieira Calado disse...

O zimbro e os picantes enganam qualquer um.

Mesmo as Drªs....


Cumprimentos

PreDatado disse...

Um grande post escarlate! Primeiro mijei-me a rir, quer dizer, mijei-me não, porque sendo eu engenheiro da família dos Engs de Telheiras, estás ver? então, urinei-me a rir. Segundo porque de facto não se tem um teclado branco, caraças. Se calhar com um mau gosto desses não querias ser stôra. Ah não!

eu disse...

Olá, depois de alguns dias sem aparecer por aqui, um coment, na hora é no mínimo giríssimo. :)
A propósito deste seu texto, já teve o condão de me fazer rir.
Beijinho

MorTo Vivo disse...

Simplesmente fantático, és grande.
Eu também adoro aqueles que vao as casas dos outros criticar tudo.

osbandalhos disse...

"Acho que as pessoas que lêem tabloids merecem que lhes mintam" Jerry Seinfeld

vício disse...

excelente!
eu pagava para assistir a uma cena dessas!
esses seres "chics" são demais!

Sophia disse...

LOL!
Muito bom!

;) baci

bjecas disse...

Contigo fico-me pela costoleta de vitela...

Mereceu sim sra

Jocas miúda

\m/

Alien David Sousa disse...

LoooooooooL

Adorei a vingança...ou paciência no limite.

Já agora E, podes dar-me a receita completa? Os meus gatos vão amar.
bjs alienígenas

OnlyMe disse...

Looooool
Adorei!! E que educação tão "fina" tinha a senhora!
Haja paciência mesmo e das grandes. Tu deves ter mesmo muita para conseguires aturar uma dessas a noite toda!! hahaha
Subiste na minha consideração!! :P

Jinhos :)

antónio paiva disse...

...

tu está caladinha ou eu xibo-me!!!

tu até na caixa do supermercado arranjas encrencas, metes toda a gente ao barulho e, como se isso não bastasse, queres ficar com as compras de pessoas idosas, impedidas de se defenderem.

:p:p:p:p

beijooooooooooooo

heretico disse...

que história divertida!...
lembra-me um "não sei quê"... no bar dum hotel...

beijos

Pedro disse...

Visita o meu blog e ganha uns trocos.
Ja agora parabens pelo teu blog.

www.trocosporcliques.blogspot.com

Jonice disse...

Essa é a segunda vez que gosto de ler esse post!

Beijo :)

•.¸¸.ஐA Borboleta apaixonada pela Rosa disse...

hahahahahahaha!
Adorei o conto!!!


Beijos e borboleteios

Å®t Øf £övë disse...

Escarlate,
Only foryou... only for your patience...

:)

Eu abomino esse tipo de pessoas.

Beijinhos.

Salto-Alto disse...

:) Ehehehe! Eu tinha-me passado completamente!

Salto-Alto disse...

(ao ler estas histórias apercebemo-nos da grande pessoa que pareces ser! :))

ลndreia disse...

Lindo! Nem eu teria feito melhor! *

impulsos disse...

Hehehehehe...
Grande lição que lhe deste!!!
Nada como inovar na hora de agradar...

Beijo

Pedro Barata disse...

Passei para ver o teu cantinho, mas ainda está na mesma! Ficam duas beijocas então.

Nilson Barcelli disse...

E o mais incrível é que há pessoas assim.
Não te sabia com tanta paciência... ainda vais para o céu...
Boa semana, beijos.

jardinsdeLaura disse...

Um belo texto de um humor simplesmente delicioso!... se ainda por cima corresponde a um momento verídico! Aí então "mon chapeau", não só pela qualidade do texto mas sobretudo pela forma (inteligente) como consegues transformar um momento (certamente)desagradável num relato brilhante!
Voltarei mais vezes!

rascunhos disse...

Tá demais !!!!!!!!!!!!!

Fizeste-me soltar uma gargalhada perante tal descrição de "ilustre senhora dôtora" ehehehe

Agora mais a sério: nesses e noutros pormenores se revela a infinita pequenez de alguns seres humanos

Beijo para ti

Patrícia disse...

Christ... mas há quem tenha a lata de dizer essas coisas na cara da anfitriã?!?!?! Eu sou muito paciente, mas acho que me tinha passado por completo, e duvido que tivesse tido a capacidade de preparar o presente envenenado... Acho que me limitava a abrir a porta e convidar a sair...