11/04/09

ou então acabem com a páscoa

Mas porque é que insistem??

Essa coisa é simplesmente horrorosa, de mau aspecto, nojenta e eu não vou ser capaz de ingeri-la. Nunca!

Recordo os tempos em que vivia bem perto, percorrendo alguns quilómetros com prazer. Por vezes, apenas, para dar uma corrida na areia e beber um café ou um sumo na solarenga esplanada algarvia. E, contudo, deixava de ir durante aquele período em que as árvores floriam, enchendo as ruas do característico aroma que fazia as delícias de quantos percorriam estradas só para apreciar o ilusório mar de neve que nada tem de gelo.

Eu sei, que nunca cheguei a prová-las, mas também sei que a primeira vez que as vi no prato, no meu prato (!), a sensação foi tão asquerosa que lhes vomitei em cima, para desespero da minha pobre mãe, incapaz de explicar aos distintos convivas tamanho desaforo perante a excelente (?) sobremesa com que nos presentearam.

Desde sempre foi assim, a visão embrulha-me o estômago, até a palavra de arrepia o corpo, a náusea floresce à garganta e por mais reprimida que seja, continua insuportável. Só de imaginar que têm a ousadia de estragar os melhores doces com elas, a minha galinha, as minhas deliciosas saladas, os meus bolos favoritos, os apetecíveis chocolates, até as pizzas, as massas, o arroz, os guisados e, ultimamente, desencantaram a estúpida ideia de as acrescentar ao lombinho de porco assado que tanto aprecio e mesmo ao peixe vindo do oceano.

Não, não sou pobre nem mal agradecida, mas pelo amor que têm ao vosso deus ressuscitado, ou seja lá a quem for, façam-me o obséquio de as comer todinhas até à sua extinção definitiva, até não sobrar nem uma singela migalhinha, uma réstia de semente, uma única pétala da flor que dá fruto, para que nos próximos anos eu possa passar tranquilamente o alargado fim-de-semana de Páscoa sem as entranhas se me revoltarem de cada vez que me entram pela casa dentro com o pacotinho, a caixinha, o cestinho, cheio delas, de todas as cores, cada ano mais repugnantes. Entendam, por favor, que eu odeio essas minúsculas criaturas inanimadas, sejam elas de chocolate, licor, açúcar, torradas ou lá de que forma as quiserem disfarçar, porque serão eternamente horripilantes e eu prezo verdadeiramente a calmaria do meu aparelho digestivo que vocês fazem o favor de por em guerra todos os anos por esta altura, desde que me conheço.



Gozem uma excelente Páscoa



20 comentários:

António Sabão disse...

Já somos dois! :( Nem lhes toco!

Beijinhos e Boas Festas Pascoais!

Teté disse...

Então, bons chocolatinhos para ti! :)

Beijoca!

MorTo Vivo disse...

Isso é que é não gostar.

Mas desejo-te uma boa e feliz pascoa!!

Come outra coisita... Um queijinho talvez.

Ana disse...

Há quem não goste, quem não aprecie ou quem simplesmente não ligue muito ás ditas cujas. Mas nunca tinha "ouvido" ninguém falar tão mal das pobrezinhas! Hehehe

Podes manda-las todas para mim, eu adoro-as e garanto-te que desaparecem em 3 tempos!

Beijinhos e Boa Páscoa!

Paulo disse...

Esqueceste-te de contar aquele jantar de fim de curso em que o professor pensou que estavas a gozar e repetiu a palavra até lhe vomitares o prato, o colo e tudo o que estava em redor e depois calmamente perguntares-lhe: que tal é a sensação?
loooooooool
Boa Páscoa miúda

Rafeiro Perfumado disse...

As de licor?!? Aquelas que têm bracinhos, e olhinhos e pilinhas?!?

És mesmo esquisita, pá!

Jonice disse...

Ai, ai... entendi que você não gosta... ora se entendi!!!!! Mas não entendi do que se trata essa coisa simplesmente horrorosa. Tinha esperança de sabê-la pelos comentários, mas não rolou... Tudo bem, também entendi que você não vai querer "pronunciar" o nome da coisa.
Nice Easter :)
Beijo

Afrodite disse...

Ofereceram-me umas hoje que parecem ovos de codorniz loool ou pedras como disse a minha mãe!!! tbm n morro de amores por aquilo mas é páscoa e nunca o deixará de ser :P

bjoooo

Armindo Guimarães disse...

eheheheh

O final foi surpreendente. Apesar do título, nunca pensei que o que estava em causa eram aquelas cujo conto da Escarlate acabou por me fazer crecer água na boca. A propósito, ainda devo ter algumas do ano passado.

:)

Abraços e Feliz Páscoa. Com ou sem elas. eheheheh

Safira disse...

E um ovinho de chocolate, não marcha?
Beijinhos

Sofá Amarelo disse...

Já somos dois, não ligo nem um pouco a essas criaturas, heheheh.

Apesar de tudo, Boa Páscoa! Muitos beijinhos!!!

Toze disse...

Eu é mais Leitão :))))))

Sandra disse...

Para mim, ovinhos, ovinhos, ovinhos!! Também não sou verdadeiramente adepta de tal "iguaria" :P

Skywalker disse...

Uma excelente Pascoa sem as nao ditas...

Beijokas

Olhos Dourados disse...

Amêndoas? Eu adoro as de chocolate! hehehehe

Nanny disse...

És sempre a mesma coisa, pá!!!

Sempre a reclamar com aquelas coisas pequeninas que nem se metem com ninguém..."Juras que não tem?!! Prova... De certeza???!!" LOOOL

Beijinhoooooooooooos de chocolate :P

carpe vitam! disse...

óleo de amêndoas doces...

amendoeiras em flor...

olhos de amêndoa...

cheirinho de amêndoa...


amêndoas torradas de empreitada

hambúrgueres de peru com amêndoa ralada, ovo e salsa

galinha com amêndoas

tarde de amêndoa da minha tia

amêndoa coberta de chocolate e polvilhada com canela

(desculpa, mas não consegui resistir. ainda bem que não estou ao pé de ti neste momento, mas tens de reconhecer que esta semente de "Prunus dulcis" tem as suas qualidades)

bjecas disse...

As de chocolate malham.

\m/

Å®t Øf £övë disse...

Escarlate,
Talvez o problema seja a velha lei da oferta e da procura. É que elas reproduzem-se em maior quantidades do que são comidas. Talvez a definitiva resolução do teu problema seja iniciares desde já uma cruzada com o objectivo de procederes à sua extreminação... e olha que podes contar comigo para isso.
Beijinhos.

陳奕迅Eason disse...

AV,無碼,a片免費看,自拍貼圖,伊莉,微風論壇,成人聊天室,成人電影,成人文學,成人貼圖區,成人網站,一葉情貼圖片區,色情漫畫,言情小說,情色論壇,臺灣情色網,色情影片,色情,成人影城,080視訊聊天室,a片,A漫,h漫,麗的色遊戲,同志色教館,AV女優,SEX,咆哮小老鼠,85cc免費影片,正妹牆,ut聊天室,豆豆聊天室,聊天室,情色小說,aio,成人,微風成人,做愛,成人貼圖,18成人,嘟嘟成人網,aio交友愛情館,情色文學,色情小說,色情網站,情色,A片下載,嘟嘟情人色網,成人影片,成人圖片,成人文章,成人小說,成人漫畫,視訊聊天室,性愛,a片,AV女優,聊天室,情色